Desde 2002

Seu Guia para Viajar, Trabalhar, Morar ou Estudar na Austrália

Austrália

Home  Mapa do Site   Anunciar

  English
  Español
Austrália Cidades Estudar Turismo Trabalhar Onde ficar Vistos Diversos
Tópicos Vistos:
  Tipos de Trabalho
  Leis Trabalhistas
  Quanto Pagam
  Imposto de Renda
  Como conseguir
  Em Demanda
  Empregos Online
  Trab-Problemas
  Working Holiday
  Trabalho F.A.Q.

 

 

Link Patrocinado

Curriculum Vitae no estilo da Australia e Nova Zelandia

Trabalho p/
estudantes
na Austrália

   Qualquer estudante que estude mais de 3 meses na Austrália portando um visto de estudante com permissão de trabalho, pode após iniciar o curso, trabalhar até 40 horas a cada 2 semanas. Para isso tem que ter a a carta da escola dizendo que a pessoa já iniciou o curso, o passaporte, a parte do formulário 157 P com carimbo da escola e será dado uma permissão com duração igual a do visto, e que expira quando o mesmo acabar. Vale para todos estudantes internacionais à partir de 16 anos. 

O processo para ter a permissão de trabalho também pode ser feito online. Veja mais sobre Estudar e trabalhar na Australia: http://www.immi.gov.au/students/students/working_while_studying/index.htm.

Estudantes internacionais podem trabalhar qualquer hora que não entre em conflito com o horário do curso, pois a imigração vê essa permissão como uma ajuda de custos para a pessoa estudar, e não como objetivo principal. Legalmente são estipuladas 40 horas por 2 semanais, sendo que durante os períodos de férias e feriados nacionais, pode-se trabalhar em expediente integral. A 40 horas podem ser vidididas em 15 numa semana e 25 horas na outra por exemplo. Não sabemos dizer de que forma essas horas são fiscalizadas, mas sabemos que faltar aula para trabalhar pode dar problemas, principalmente se o aluno tiver frequência menor do que 80%. Nesse caso a escola é obrigada a informar a imigração, e aí o bicho pega.

  Estudantes Internacionais Acompanhados de esposo(a) ou "De Facto", podem trabalhar part time e também pode trabalhar 40 horas a cada 2 semana. Somente estudantes de PHD ou Mestrado e de cursos ,Universitarios e Pos, os parceiros têm permissão de receber o visto para trabalhar full time, sem precisar estudar. Os filhos de estudantes (menores de 18 anos), podem trabalhar part -time, mas precisam estar estudando. Escola para os filhos de estudantes internacionais não são grátis e eles deverão ser matriculados em cursos full time. Uma pessoa de um casal tem que ter o visto de estudante, sendo assim o outro pode ficar residindo e trabalhar part time. Só 1 precisa pagar o visto de estudante e curso, e as despesas podem ser divididas por 2. Mas é preciso pagar o OSHC Health Insurance obrigatório para família, ou para o casal e na aprovação do visto terão que mostrar rendimentos para sustentar a família ou casal, ou se for o caso ter sponsors para isto. É possível casar na Austrália com uma pessoa com visto de estudante e ficar como partner dele ou mostrar que é de Facto, depois dele já ter iniciado os estudos na Austrália, desde que se mostre a documentação necessária.  

Por causa dessas limitações de horário e do curso, que se estende desde o período da manhã até cerca das 15 horas (principalmente os cursos de inglês), sobram poucos empregos mais tradicionais em empresas australianas, que não entrem em conflito com os horários do cursos. Muitos dos Shopping Centers fecham cedo também, por volta das 17:30. Agora existe uma forte demanda na área de hospitalidade, que é bem mais flexível nos horários, para trabalhos em restaurantes ou hotéis. Existem claro alguns empregos noturnos, como limpeza de escritórios comerciais e para computadores que rodam 24 horas e precisam de um técnico de plantão, e até mesmo na área de segurança e vigilância (precisa-se fazer um cursinho específico). Como nos fins-de-semana não tem aulas, e a maioria das lojas ficam abertas, existem oportunidades no setor de comércio e o de serviços em geral. Padarias por exemplo abrem cedo, e muitas precisam de uma ou mais pessoas extras para ficar no balcão entre 6 e 8:30 da manhã, que é o período de pico. Pizzarias, também tem contratado estudantes para entregas noturnas (precisa ter carro) e os restaurantes tem muitos estudantes servindo mesas e preparando comida, ou seja, dá perfeitamente para conciliar o curso com um ou mais empregos antes ou depois do curso, principalmente no fins de semana e nas férias, que pode-se trabalhar full time.

O fato é que nos últimos anos a oferta de empregos tem crescido muito na Austrália, e tem muitas oportunidades de trabalho no momento, inclusive para estudantes. Praticamente todos os estudantes Internacionais que conhecemos recentemente e que procuravam trabalho, estão empregados, alguns até mesmo com mais de um emprego. Em geral são empregos do tipo "Casual", e pagam algo entre A$ 15 e A$ 20 por hora, ou até mesmo mais, como nos domingos e feriados nacionais.

Claro que quanto melhor for o seu Inglês, mais terá oportunidades e chances de maiores salários. E para quem não tem um Inglês muito bom, realmente fica bem mais difícil, restringindo a trabalhos tipo: lavar carros no lava-a-jato, lavar copos e pratos em restaurantes, faxinas e por aí vai. Para os que tem mais Inglês, nada impede de procurar oportunidades profissionais na sua especialização, sendo que para isso um Currículo no Estilo Australiano é o mais indicado.

Uma das perguntas que os estudantes mais fazem é : se trabalhando partime daria para pagar todas as despesas? A resposta é muito difícil, e depende muito do nível da pessoa e do emprego conseguido. Para uns dá, para outros não. Por exemplo, conhecemos uma estudante no último ano de TI que trabalhava à noite, 10 horas no sábado e 8 no domingo, com um salário de A$ 35,80 por hora, e num único fim de semana ela ganha mais de A$ 700. O trabalho dela era cuidar de um banco de dados de uma empresa importante. Do outro lado, uma pessoa que lavava pratos 3 vezes por semana ganhava não mais do que A$ 190, o que não é suficiente. Por isso sugerimos ter sempre uma reserva financeira para emergências. No mais, é ir a luta e cair dentro sem medo. Procurando bastante, acaba-se achando o emprego e uma oportunidade de trabalho.

Luizão como não fala bem o Ingles, só conseguiu emprego de Canguru Perneta.
Google Web Portal

 

 

 

 

 | Termos de uso Privacidade | Quem somos | Consultoria | Curriculum Vitae | Anunciar | Contatos |

© Portal Oceania.com - Todos os direitos reservados - É vetada a reprodução de textos e fotos sem autorização.