Desde 2002

Seu Guia para Viajar, Trabalhar, Morar ou Estudar na Nova Zelândia

  Nova Zelândia

Home  Mapa do Site   Anunciar

  English
  Español
Nova Zelândia Cidades Estudar Turismo Trabalhar Onde ficar Vistos Diversos
Tópico: Onde Ficar
  Agências Imóveis
  Comprar Imóveis
  Au Pair
  Albergues
  Bed & Breakfast
  Camping/Caravan
  Farmstay
  Homestay
  Hotéis e Motéis
  Para Estudantes
  Para Turistas
  Para Imigrantes
  Dicas Gerais
  F.A.Q.

 

 

Link Patrocinado

Alugar Imóveis
na Nova Zelândia

As primeiras coisas que lhe serão solicitadas quando for procurar um Real Estate para alugar um apartamento ou uma casa na Nova Zelândia, serão cartas ou telefones de referência de pessoas que lhe conhecem, e também referências de imobiliárias ou empresas com as quais já tenha feito negócios ou trabalhado para eles. Tudo isso é para garantir que será um bom inquilino, e terá dinheiro para pagar o aluguel. Um bom e gordo extrato bancário pode substituir tudo isso, mas legalmente eles não podem pedir este comprovante, a não ser que apresente-o voluntariamente. Eles irão checar as referências, telefonando para as pessoas ou empresas apresentadas por você, para saber se esta tudo nos conformes. Caso eles não fiquem satisfeitos com a documentação apresentada, ou desconfiem do motivo do uso do imóvel, eles podem negar seu pedido de aluguel, sem maiores explicações.

Uma vez aceito como inquilino irão pedir que pague o aluguel antecipado (normalmente 15 ou 30 dias, mas varia de empresa). Além do aluguel, vão solicitar o pagamento de um BOND, que nada mais é do que uma caução ou deposito de garantia do aluguel, e que será devolvido (ou não em alguns casos) ao termino do contrato. O Bond pode ser usado pela imobiliária para cobrir despesas relativas a danos causados por você ao imóvel, ou ao não cumprimento de clausulas contratuais, como por exemplo, imovel entregue imundo, lavagem do carpete por firma especializada (consta em 100% dos contratos), vidros quebrados ou rachados, lustres ou lâmpadas faltando, cortinas rasgadas, e outras coisas mais. Resumindo tem que entregar o imóvel nas mesmas condições em que recebeu. Por isso o fundamental é você fazer uma inspeção minuciosa no imóvel alugado logo na primeira semana que entrar, fazendo uma lista de cada coisa que não estiver de acordo. Por exemplo, mancha na pintura da parede da cozinha em cima da pia, vidro do quarto rachado, cortina da sala rasgada na ponta, lustre do banheiro faltando, por ai vai. Entregue uma cópia para o Real Estate, e guarde muito bem a sua cópia até depois que seu Bond for restituido ao término do contrato.

 Contratos de aluguel na NZ são por tempo determinado e nada tira você dali enquanto seu contrato durar (a não ser que você não cumpra as leis ou regras do contrato). Contratos são contratos, e não podem ser quebrados, sendo assim se assinar um contrato de lease de 1 ou 2 anos terá que ficar lá até o fim do período. Se o imóvel for vendido nesse meio tempo, o novo proprietário poderá ou não solicitar que você saia no fim do contrato e pode ocorrer uma oferta financeira por parte dele para que você saia antes. Da mesma forma se você quiser sair antes ( e assim quebrar o contrato) alguma indenização ou multa provavelmente terá que ser paga. A maioria dos contratos de locação na NZ são feitos por períodos de 6 meses ou um ano, mas algumas imobiliárias e proprietários, aceitam por períodos menores ou maiores.

 Os imóveis são alugados já mobiliado (furnished) e sem mobília (unfurnished) mas tem os semi-mobiliados. Os mobiliados contam com tudo que é necessário para morar, como camas, mesas, sofás, utensílios de cozinha, e em alguns TV e DVS, porém o Bond costuma ser maior para cobrir estes aparelhos. Também sao alugados por prazos menores mas com valor mais alto. São usados turistas, estudantes, pessoas em férias ou em permanência temporária na cidade e existem muita oferta em hotéis que tem apartamentos para alugar (chamados Holiday Units). Já os não mobiliados,  por lei vêm somente com fogão, considerados parte do imóvel na Nova Zelandia. Qualquer quebra ou mal funcionamento de algo dentro de um imóvel alugado, é obrigação da imobiliária ou do proprietário mandar consertar (faz parte do contrato). Por exemplo, se o interruptor de luz para de funcionar, a descarga da privada travar ou vazar, se a janela não abrir, a torneira pingar, ou qualquer outra coisa que tenha problemas na propriedade. Claro que se você quebrou um vidro, ou uma ponta de cigarro queimou o carpete, a responsabilidade de consertar passa a ser sua, ou irão mexer no seu Bond. Se te enrolarem, ponha o problema por escrito, e entregue em mãos no Real Estate guardando uma cópia consigo. Já aconteceu comigo, e só assim funcionou. O Real State faz inspeções regulares nos imóveis alugados e anota os problemas a serem resolvidos. Se não puder estar presente na inspeção, eles entram com a chave deles mas você já estaria sabendo da visita.

 Problemas com moradias aparecem de vez em quando, e para que não tirem o seu sono, vamos relatar os mais comuns: 

Reclamação de barulho - na Nova Zelândia o silêncio nos bairros residenciais é quase mortal (buzinar é proibido a não ser em emergências e as pessoas falam baixo). Os brasucas e latinos que já normalmente falam mais alto, principalmente os que vivem nas ensurdecedoras capitais brasileiras, nem notam, pois já se acostumaram com um determinado volume de voz. Ainda mais quando moram em grupos, ou ao ouvir música. O volume máximo de som durante o dia permitido por lei na Nova Zelândia é de 90 decibéis, e entre as 10 da noite e 6 da manhã é de 60. Dependendo do vizinho, a polícia pode ser chamada, ou uma reclamação oficial ao condomínio (Body Corporate) pode ser feita, e se repetido a queixa pode complicar com até mesmo revogação do contrato de aluguel. Da mesma forma que podem reclamar do seu barulho, você tem direito de reclamar dos outros. Nas festas em casa, a partir das 10 da noite, tanto a música como a conversa tem que ter um volume de uma pessoa falando normal.

Carro mal estacionado - ou estacionado na frente da garagem dos outros (mesmo que quem estacionou seja seu convidado ou amigo). É tido pelos Kiwis como extrema falta de educação, e pode ter as mesmas consequências de chamarem polícia e reclamação junto a admistradora( Body Corporate).

Atraso no pagamento do aluguel - com 15 dias te mandam uma carta e com 30 já podem iniciar o despejo, que não demora mais do que 48 horas. Apesar do aluguel ser cobrado por semana, pode-se paga-lo com quantas semanas adiantadas desejar para diminuir o número de idas ao banco ou transferências de pagamento.

Google Web Portal

 

 

 

 

 | Termos de uso Privacidade | Quem somos | Consultoria | Curriculum Vitae | Anunciar | Contatos |                                     

© Portal Oceania.com - Todos os direitos reservados - É vetada a reprodução de textos e fotos sem autorização.